terça-feira, 26 de outubro de 2010

A questão humana



A editoria Estação Liberdade lançou um livrinho interessante do escritor belga François Emmanuel, A questão humana (2010, 84 páginas). Neste livro, Simon narra a experiência de ter se metido em intriga psicológica envolvendo dois diretores de uma empresa alemã, na filial francesa, onde ele fora contratado para fazer a seleção de pessoal e planejamento de seminários.

Como psicólogo, Simon tinha a missão de “despertar nos participantes a agressividade natural”. Mas certo dia, é solicitado por um dos diretores, Karl Rose, para uma missão diferente e paralela, a de investigar o estado de saúde mental de Mathias Jüst, outro executivo, sob a alegação de que o homem poderia estar doente e, neste caso, comprometeria o andamento da empresa.

Para manter o suspense do real motivo daquela missão, o autor se utiliza de uma série de técnicas tradicionais da literatura, misturando elementos narrativos como cartas, telefonemas, recados e visitas pessoais que sugerem novas pistas que vão revelando, aos poucos, uma rememoração do passado, da Segunda Guerra Mundial, dos absurdos nazistas, de sua burocracia precisa e macabra.

Serviço

Título: A questão humana
Autor: François Emmanuel
Editora: Estação Liberdade, 2010, 84 páginas
Gênero: Romance
Preço: R$ 29,80

Nenhum comentário: