quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

O verdadeiro estranho no ninho

Jack Nicholson (1937). Foto: Martin Scholler

Um estranho no Ninho: Nicholson sendo usado por um falsário

Um ladrão desinformado, Ricardo Sergio Freire de Barros (41 anos), que deve detestar cinema desde que nasceu, resolveu fazer umas falcatruas por aí usando identidade falsa. Foi à internet, viu a cara estranha de um sujeito encarando a lente e pensou “melhor impossível, é esse desgraçado mesmo que vai me ser.”

O desgraçado, no entanto, era ninguém menos que Jack Nicholson, que dispensa apresentação em qualquer recanto do universo ocidental. O idiota, ou melhor (pior, sei lá), ladrão, não sabia disso e foi ao banco, no Recife, abrir uma conta, porque os ladrões também precisam movimentar sua grana roubada.

Foi preso, claro, alguém teria alguma dúvida? Nada disso é literatura, tampouco de interesse dos seletos leitores (preciso acreditar nisso) deste blog marginal. Mas por trás desse post insólito há um fato curioso. A foto em questão foi tirada por Martin Schoeller, fotógrafo alemão que mora em Nova York e que realizou uma série delas.

Schoeller fotografou, por exemplo, Angelina Jolie, Barack Obama, e já fez inclusive uma exposição com os retratos, em Nova York. Não fui ao evento. Estava ocupado (e sem grana), mas li na revista The New Yorker, em 2010.

OBS: Pelo adiantado da hora, os leitores também viram que estou sem sono e sem ter o que fazer. Agora, veja bem, se a foto tiver sido escolhida, não pelo que foi preso, mas por algum comparsa desatento, ai, ai, ai, Pequeno Filho, ai, ai, ai!

2 comentários:

Josiléa Pinheiro disse...

Inacreditável a "esperteza" desse falsário... rsrs... É sempre muito bom passar por aqui!Parabéns pela excelente qualidade dos textos!

Abraço...

Gilberto G. Pereira disse...

Obrigado, Josiléa! Um abraço!